Atente-se a esses 4 passos sobre como importar legalmente

Importar legalmente
4 minutos para ler
Powered by Rock Convert

Trabalhar com comércio exterior é algo complexo e depende de muitas variáveis. Saber como importar legalmente é uma tarefa difícil, pois muitos requisitos específicos precisam ser considerados, assim como o funcionamento da legislação, principalmente quando falamos de revenda de itens importados.

Essa atividade é rigorosamente acompanhada pelos órgãos responsáveis, logo, se você deseja investir planejando melhorar seu resultado, é preciso entender todos os detalhes da operação e conhecer a mercadoria que será importada, bem como a documentação necessária para trazê-la para o país.

Quer saber mais sobre quais são os requisitos para começar um negócio de importação ou exportação? Continue a leitura e saiba mais!

Como importar legalmente?

Para ter um negócio de importação e exportação, estar dentro dos parâmetros da lei é vital. A legislação que regula esse ramo de atividade é rigorosa e o não atendimento das regras pode resultar desde pequenos atrasos de entrega a grandes multas, gerando prejuízos para sua empresa.

Para que isso não aconteça, selecionamos 4 passos para que você possa aprender como importar legalmente e fazer o seu negócio crescer:

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert
%MCEPASTEBIN%

1. Obtenha um CNPJ

O primeiro grande passo para estar dentro da lei com o seu negócio é abrir uma empresa. Se você, pessoa física, importar grandes quantidades de produtos sem que esteja licenciado, é possível que todo o dinheiro investido se perca, pois a carga será apreendida, impossibilitando a revenda.

Ao abrir sua empresa, para que você possa fazer transações internacionais sem dores de cabeça, é importante que ela esteja classificada no ramo de importação e exportação. Hoje, o governo oferece diversos modelos de negócio e cada um é classificado de acordo com o faturamento.

2. Habilite sua empresa no RADAR/SISCOMEX

O SISCOMEX (Sistema Integrado de Comércio Exterior) é uma ferramenta que tem como objetivo controlar todas as transações de comércio exterior. Surgiu para integrar todas as informações e documentos necessários aos processos de importação e exportação, a fim de simplificar e diminuir a burocracia.

Para que sua empresa possa utilizar o sistema, é preciso que ela esteja habilitada e tenha uma senha ou radar para fazer as transações. Essa habilitação pode ser obtida junto a Receita Federal, um despachante aduaneiro que é especialista no assunto pode ajudar. Para isso é necessário ter um CNPJ.

3. Defina a NCM correta de cada item importado

A NCM é fator essencial para quem deseja iniciar operações de importação ou exportação. É com esse código que você saberá quais alíquotas incidirão nos produtos e quais são os documentos específicos que a mercadoria exige por sua classificação fiscal.

Qualquer erro na definição da NCM pode resultar em multas e processos pela Receita Federal, por isso, precisa ser feito com cuidado. Nesses casos, muitas vezes, a empresa opta pela contratação de um profissional que possa auxiliar, um intermediador aduaneiro.

4. Esteja a par de toda a documentação

Depois de definida a NCM, é preciso que a equipe entenda quais são as documentações necessárias para os processos de importação. Entre eles, podemos citar:

  • fatura comercial (ou Invoice);
  • licença de importação (LI);
  • packing list;
  • declaração de importação (DI);
  • conhecimento de embarque;

Um processo tranquilo é consequência de uma equipe bem treinada e de um gestor que conhece os detalhes das operações.

Cada um dos passos citados sobre como importar legalmente são essenciais para que você não tenha dores de cabeça a cada novo processo. A complexidade da atividade é reduzida com o aumento da experiência das pessoas que estão administrando o negócio.

Para deixar seu negócio ainda mais robusto, que tal conferir nosso conteúdo sobre 6 erros que não devem ser cometidos nos processos de importação?

Você também pode gostar

2 thoughts on “Atente-se a esses 4 passos sobre como importar legalmente

    1. Olá,

      Freitas, espero que esteja bem.
      Tem muito mais coisas legais e construtivas em nosso blog, faça uma visita lá vai gostar!
      blog.sscomex.com.br

      sds,
      SS Comex / Sandra

Deixe uma resposta

-